Sementes para adubos verdes/sideração em agricultura biológica

A prática da sideração, do uso de adubos verdes já é muito antiga. Estes adubos são favoráveis a formação de húmus e podem estar em associação com a cultura, ou em períodos intercalares, antes, durante ou depois da cultura principal.

São conhecidas as múltiplas vantagens da sideração, do uso de adubos verdes, na fertilização das culturas, na proteção do solo, entre outras.

Os adubos verdes dividem-se em 3 grupos principais:

Leguminosas (fixam o N atmosférico): chícharo, ervilhaca, ervilhas forrageiras, fava miúda, feijão, luzerna…

Gramíneas: aveia, centeio, cevada …

Crucíferas: colza, mostarda, nabo silvestre, rabanete forrageiro…

Sementes para adubos verdes/sideração em agricultura biológica:

Utilizam-se sementes certificadas como biológicas, que podem ser de produção própria ou adquiridas.  Todo o material adquirido deve ser devidamente comprovado no que respeita a sua origem, por exemplo através de faturação.

As sementes biológicas podem ainda ser procuradas na Base de dados de Reprodução Vegetal, antes designada por Base de Dados de Sementes Biológicas.

Como consultar a base de dados de material de reprodução vegetal

Ao abrir o link anterior e  ao clicar sobre a imagem como a representada abaixo encontra-se um base de dados com lista de espécies e variedades de material de reprodução vegetal em modo de produção biológico, grupos de culturas e respetivos fornecedores.

Base de Dados de MAterial deReprodução Vegetal

Por exemplo pode-se fazer a procura por ‘Grupo ‘ e seleciona-se a opção ‘Forrageiras leguminosas’. Surgirá uma listagem das sementes procuradas. Se encontrarmos as sementes pretendidas, o passo seguinte é contactar o fornecedor e confirmar a disponibilidade das mesmas para aquisição. No entanto, ao ficar comprovado a indisponibilidade da espécie ou variedade pretendida, preenche-se o Pedido de autorização de utilização de material de reprodução vegetal não biológico e remete-se à DGADR conforme indicação no documento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PortugueseSpanishEnglish

Menu Principal